A vitamina D melhora a qualidade muscular

02-03-2012 18:57

 

A maioria das pessoas neste planeta têm níveis demasiado baixos de 25-hidroxivitamina D no sangue, e, em resultado disso, a sua qualidade muscular está abaixo do nível óptimo. Radiologistas da “University of Southern California” em Los Angeles, descobriram que os músculos das mulheres jovens contêm até 20 por cento mais gordura se seus níveis de vitamina D forem muito baixos.

Inúmeras pessoas têm menos vitamina D no sangue do que o ideal. Inicialmente, os investigadores registaram essa deficiência de vitamina em pessoas que vivem nos países do norte, onde o sol praticamente nem brilha, e onde grande parte da população trabalha em ambientes fechados. Bem, isso era antes.

Pesquisas mais recentemente, têm vindo a mostrar que, mesmo em países ensolarados como a Turquia, Líbano, Emirados Árabes Unidos, Índia e Austrália, 30-50 por cento da população é deficiente em vitamina D. No Brasil o número é de 60 por cento entre adultos jovens.

São necessários níveis suficientes de vitamina D para obtermos músculos fortes. Uma teoria actualmente em voga, é que a vitamina D é responsável por introduzir os nutrientes como o cálcio e fósforo nos músculos. E como resultado, os músculos podem contrair-se melhor, e os processos de crescimento e de queima de combustível também são reforçados.

Estudos em animais demonstraram que ratos colocados em uma dieta de engorda desenvolveram mais músculo e menos gordura quando receberam vitamina D extra. Em estudos humanos, voluntários queimaram mais calorias depois de ingerirem um pequeno-almoço, que contém 0,5 g de cálcio e 9 mcg de vitamina D. As pessoas idosas que tomam suplementos de vitamina D são fisicamente mais fortes, tal como o são os atletas que têm níveis altos de vitamina D no sangue.

Os investigadores deste estudo realizaram scans da composição do músculo e do corpo de 90 jovens com idades entre os 16 e 22. Destes, 37 tinham níveis suficientes de vitamina D no sangue e 53 tinha muito pouca. Quanto mais vitamina D as mulheres tinham no sangue, menor era a quantidade de gordura que tinham nos seus músculos. A gordura do tecido muscular é menos forte e menos sensível à insulina. Já agora, nenhuma das mulheres se queixou de ter os músculos fracos.


Níveis baixos de vitamina D no sangue também foram associados com mais gordura subcutânea [FC] e mais gordura [FV] abdominal [ou visceral]. As mulheres com altos níveis de vitamina D também tinham mais massa muscular nas pernas, embora a diferença não tenha sido estatisticamente significativa.

A vitamina D não é o suplemento nutricional mais excitante do mundo. Os comprimidos que contêm vitamina D não parecem tão interessantes como os extractos de plantas exóticas ou doses elevadas de aminoácidos. Mas parece que muitos atletas que poderiam ser um pouco mais fortes, musculosos e definidos se aumentassem a ingestão de vitamina D.

fonte: http://www.ergo-log.com/vitamindmusclequality.html
 
 
 
Voltar

Procurar no site

© 2010 Todos os direitos reservados para BIGMONSTRO

Aviso Legal: Recusamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações disponibilizadas através do site BIGmonstro, o qual tem por objetivo a informação, divulgação e educação sobre temas da musculação, e cujos artigos expressam somente o ponto de vista dos seus respectivos autores. Tais informações não deverão, de forma alguma, ser utilizadas como substituto para o diagnóstico nutricional ou tratamento de qualquer doença sem antes consultar um profissional devidamente credenciado em seu conselho regional. As informações fornecidas não são individualizadas. Portanto, um profissional deve ser consultado antes de se iniciar uma atividade física.